O Memorial


- O Memorial em memória dos mortos no acidente da Mantiqueira, ocorrido em 1938
, foi ergido no ano de 1959 pela extinta E.F.C.B - Estrada de Ferro Central do Brasil.

- Desde então, aquele local passou a ser visitado por inúmeras pessoas, a grande maioria, ligadas às vítimas do desastre.

- Somente no ano de 2018, por iniciativa dos Escoteiros de Minas Gerais é que sua restauração foi retomada. Foram anos buscando, com exatidão, o local onde Caio Vianna Martins se tornou o Escoteiro Padrão dos escoteiros no Brasil.

- No local onde estava erguido, somente havia um grande matagal, com restos de imagens e destroços que alí foram colocados ao logo dos anos. (Veja imagens abaixo)

- Imediatamente, ao ser encontrado, o mesmo passou uma uma grande limpeza e capina e, logo após, um projeto de reforma foi preparado.

- Com a ajuda e participação da Região Escoteira de Minas Gerais e dos Grupos Escoteiros 072/MG Liz do Amanhã e 160/MG Guardião da Mantiqueira é que foi possível concluir a obra. E exatamente no dia 25 de julho de 2019, a reforma foi concluída.

- Uma grande lápide de Mármore negro com inscrições foi instalada e a limpeza e pintura do restante, permitiu que a visibilidade retornasse àquele local de muita dor e sofrimento.

- Três mudas de ipê branco e um peqquenno gramado foram plantados no local para dar mais evidência ao local e, ainda, permitir que as flores das futuras árvores possam melhorar o aspecto local.

- E finalmente, agendado para sua reinauguração, ficou estabelecido que, no dia 14 de dezembro de 2019, seria comemorado os 81 anos do acidente.

Para conhecer ou vistar o Memoria, entre no Google Maps e digite "Memorial Caio Vianna Martins" e programe o passeio com seu Grupo, sua tropa ou com amigos.