A Ferrovia E.F.C.B


Para se ter noção do que se tornou a ferrovia no Brasil, é preciso conhecer seu histórico. Tudo começou com a Estrada de Ferro D. Pedro II, que teve sua origem no decreto n. 641, de 26 de junho de 1852, e autorizou a concessão, a uma ou mais companhias, para a construção de uma estrada de ferro que partisse do município da Corte (o atual Rio de Janeiro) e terminasse nos pontos das províncias de Minas Gerais e São Paulo, que mais convenientes fossem.

A construção das estradas de ferro estava relacionada ao processo de modernização do Império, alavancado a partir da segunda metade do século XIX, quando se observava um maior desenvolvimento da economia, com necessários investimentos na infraestrutura e na urbanização do Brasil.

Quando da proclamação da República em 1889, o movimento republicano teve que ajustar denominações das estatais e não foi diferente com a Estrada de Ferro D. Pedro II que se tornou E.F.C.B - Estrada de Ferro Central do Brasil - de1889 até 1975.